Doces personalizados

Doces feitos por: Confeitos Bistrô

Oi meninas, este mês as postagens tiveram como tema festas de crianças, e para fechar outubro com chave de ouro vou falar sobre doces personalizados para aniversário.

Esse estilo de doce tem duas funções decorar a mesa e ser saboreado pelos convidados. Os doces devem seguir o tema escolhido e ornar com o ambiente da festa.

Existem vários tipos de doces personalizados, normalmente os mais encontrados são bombons ou brigadeiros decorados com pasta americana, cake pops e pirulitos de desenho, copinhos de brigadeiros enfeitados com o tema.  Entretanto existem aqueles com enfeites de chocolate, leite ninho e com diversos enfeites como jujubas, confetes e etc. Independente de qual estilo você preferir o importante é agradar a criançada, pois quando eles veem estes doces os olhinhos brilham e ficam ansiosos para poderem comer.

Doces feitos por: Confeitos Bistrô

Na hora de escolher os doces a dica é diversificar, selecionar diferentes tipos de materiais, ter fotos da internet como referência, pensar no gosto da meninada. A dica principal é tente harmonizar o sabor e a decoração, pois existem doces lindos que na hora de comer são desagradáveis ao paladar.

E ai tem algum doce que você gostou e queria a nossa opinião? Posta a sua foto ou tema para darmos sugestões. To esperando o contato com vocês, beijos.

Docinhos saudáveis

Fonte: pionik.com, cozinha pequena

No último post eu falei um pouco sobre festas de criança com comidas saudáveis e listei algumas opções salgadas para alimentar os pequenos. Hoje vamos falar das opções doces para diferenciar a sua festa. A criançada adora um brigadeiro e de soprar as velinhas com um bolo delicioso, para fazer a alegria deles e deixar os papais tranquilos, vou sugerir duas versões: low doces e a outra somente frutas.

O bolo de aniversário é a delícia mais espera de uma festa, e torná-lo menos calórico e açucarado pode se tornar uma missão quase impossível para algumas pessoas. A minha sugestão para a versão low açúcar é um bolo de cenoura com ganache de chocolate meio amargo, um red velvet de beterraba com ganache, você pode substituir o ganache por uma brigadeiro feito de leite condensado caseiro e cacau 100%, assim como fazer um bolo com a massa de chocolate com cacau 100%. Para a versão sem açúcar um bolo de banana ou cenoura com um sorvete caseiro de banana com morango congelados, ou um recheio de geleia sem açúcar da fruta preferida da criançada.

Fonte: Mil dicas de mãe, receitasdedomingos.blogspot.com

Na versão low açúcar  dos docinhos o meu conselho é seguir o mesmo padrão do bolo, chocolate meio amargo e leite condensado caseiro. O brigadeiro você pode pegar uma uva sem caroço ou morango e colocar uma camada fina de brigadeiro, o granulado você pode substituir por amendoim, amêndoa, nozes e etc. Outra opção é banhar frutas com chocolate meio amargo e enfeitar para atrair as crianças. O segredo é equilibrar as frutas com uma quantidade mínima de outros complementos.

Para aqueles que desejam utilizar somente frutas, decore elas em palitos de churrasco, faça saladas de frutas e sirva em casquinhas de sorvete com uma geleia de frutas sem açúcar. Outra opção é deixar as frutas com casca e decorar por fora com guardanapos ou canetinhas, como por exemplo a banana da foto abaixo.

E aí estão gostando das dicas? Se você quer uma festa com tema diferente, que combine com o seu estilo de vida, basta utilizar a imaginação, pesquisar, e contar com as meninas do blog, estaremos aqui para ajudar.

Até semana que vêm.

Fonte: maternidade colorida, construindo minha casa clean

Festa Infantil divertida e saudável

 

Olá meninas, depois desse feriadão nada melhor que umas dicas saudáveis. No último post, escrevi sobre piquenique, e surgiu a ideia de escrever sobre festas de criança com comidinhas que fazem bem para os pequenos. Os pais têm dificuldade para fazer este tipo de evento com medo das crianças não comerem, mas nada melhor que uma decoração divertida para atrair os pequenos e eles saborearem estas delicias.

Muitas pessoas pensam que é besteira este tipo de festa saudável, pois doces e besteiras as crianças só comem de vez em quando. Entretanto em determinadas épocas do ano as crianças tem aniversário quase todo os finais de semana e portanto consomem muitos doces. No post de hoje vou começar falando das opções salgadas para este tipo de festa.

A primeira dica super fácil é pipoca, se ela for preparada com pouco sal e nenhum óleo, ela fica super saudável, pois é rica em fibras, agora coloque em uma embalagem divertida e coloque em lugares estratégicos da sua festa. Outra opção com milho é fazê-lo cozido na água e sal, cortado em rodelas pequenas e fixados em espetos de churrasco enfeitados, normalmente vemos a meninada comendo milho assim na praia, as crianças vão amar.

Tradicionalmente vemos nas festas mini hambúrgueres preparados com carne industrializadas, que tal você preparar eles com uma carne caseira, com bastante legumes e alface, substituir o pão de hambúrguer por um mais saudável. Você pode utilizar frango, presunto, queijo e fazer mini sanduíches com pão de forma integral e legumes. Outra opção é fazer ovinhos de codorna, com tomate, ricota e temperos, em biscoitos de água e sal, ou palitinhos. E finalmente para fechar com chave de ouro uns cupcakes salgados, recheados com presunto e cenoura.

Para acompanhar estas delícias aposte nos sucos naturais, esqueça os sucos de caixinha e refrigerantes. Refrescos de laranja, manga, uva, morango são ideais para os pequenos. E que tal surpreender a garota com um chá gelado de hortelã e um suco de couve com limão, as crianças são abertas a experiências novas, aproveite as oportunidades.

Não se esqueça a decoração vai tornar estas delícias convidativas para os pequenos, as fotos mostram algumas ideias, mas aproveite e solte a sua imaginação ou pesquise na internet. Na próxima semana vou falar dos doces saudáveis para este tipo de festa, e que a criançada vai adorar. Te espero lá.

Piquenique + Festa = picfesta

Fonte: mlb-s1-p.mlstatic.com

Hello leitoras, já seguiu alguma sugestão postada aqui no blog? Compartilhe com a gente, gostaria de saber a sua opinião.

Sem mais delongas, vamos ao tema desta semana: festa de infantil. O mês de outubro temos o dia das crianças. Então que tal você, suas amigas, vizinhas, primas se juntarem e fazerem uma comemoração para os pimpolhos. Muitas vezes nós focamos só em dar um brinquedo neste dia, mas que tal dar uma inovada com uma festa com muitas brincadeiras, gostosuras e interação. Vamos às dicas:

1- Reúna suas amigas que tenham filhos, sobrinhos e afilhados, umas 20 crianças já fazem uma bagunça boa;

2- Escolha um lugar com bastante espaço, de preferência com gramado como: parques públicos, sítios e clubes são ideais para esse dia;

3- Escolha mais ou menos 5 amigas para fazerem uma comissão de brincadeiras, como por exemplo, guerra de bexiga de água, queimada, pique bandeira;

4- Informe aos pais que as crianças devem ir com roupas confortáveis para aproveitar, assim como com protetor solar e garrafinhas de água;

5- Para finalizar o dia, peça para cada amiga preparar e levar um lanche e uma bebida para as crianças dividirem  e faça um piquenique especial no final da tarde;

Como a minha parte do blog é gastronomia vou falar um pouco mais deste piquenique da criançada. Você não precisa se preocupar em preparar nada chique, pois criança gosta de petiscos simples.

Dê preferência para frutas como morango, uva, banana, laranja, maçã e sucos naturais, sanduíches de frango e queijo e legumes em tirinhas. Também leve bolo de chocolate e cenoura, pipoca,  mini hambúrguer e mini pizzas, mas não exagere nesses itens, queremos crianças saudáveis. Não se esqueça de levar água extra, guardanapos, pratinhos e garfinhos de plástico, copos descartáveis e etc. E por último uma toalha de mesa grande,  para forrar o chão e colocar as delícias por cima.

Pronto com essas dicas, uma mini festa está armada e pequenos vão adorar passar o dia das crianças de um jeito diferente e descontraído. Uma sexta dica: Aproveite você também essa mini festa e volte a ser criança.

Inovando na Torta Salgada

Fonte: Receita toda hora, mytastebra

Quem não gosta dessa delícia nas festas? Ainda mais geladinha. A torta salgada é super fácil de fazer, gostosa e econômica. A tradicional tem o sabor frango, mas existe a opção de atum, palmito, cenoura, presunto, ricota entre outros sabores. A base da torta geralmente é um bolo salgado ou um pão de forma. A quantidade ideal são duas fatias por pessoa, mas se você quiser fazer a mais não se preocupe, só manter na geladeira que fica uma delícia.

A minha dica para inovar na sua festa é fazer a torta salgada no pote, você vai poder manter na geladeira, e ir servindo de acordo com a demanda, também vai evitar problema de azedar. Os potinhos vão facilitar na hora dos convidados comerem, assim como na hora de servir, pois você não vai se preocupar em cortar fatia por fatia. Vou passar uma receitinha básica para você utilizar na sua festa, no sabor tradicional frango. A minha receita não leva purê de batatas, mas nada impede que você utilize.

Dica: compre potinhos quadrados para evitar desperdício na hora de cortar o pão.

Fonte: Receita toda hora, mytastebra

Torta Salgada no Pote

INGREDIENTES:

1 pacote de pão de forma fatiado sem as cascas

1 peito grande de frango, cozido e desfiado, bem temperado

1 caixinha de creme de leite

molho de tomate

1 vidro de maionese pequeno

3 dentes de alho

100 gramas de queijo ralado

orégano e diversos temperos

Batata palha

MODO DE PREPARO

Junte o frango, com metade do creme de leite, umas 2 colheres de maionese, 4 a 5 colheres de molho de tomate, temperos, faça um recheio bem úmido e saboroso.

Faça uma maionese caseira com o resto do creme de leite, alho, maionese, queijo ralado, orégano e temperos, bata tudo no liquidificador. Se ficar muito espessa coloque um pouco de leite.

Pegue o pão corte do tamanho do potinho, faça a primeira camada, molhe o pão com a maionese, deixa o pão absorver a sua maionese temperada, coloque uma camada de frango. Repita este passo mais uma vez, finalize o pão e a maionese.

Se você tá se perguntando, cadê as passas, o milho, batata palha, ervilha, cenoura, azeitona e etc, eu não me esqueci. Para diferenciar ainda mais a sua festa e agradar a todos, que não gostam por exemplo de milho e passas, sirva estes complementos em potinhos numa mesa e deixe os seus convidados se servirem a lá carte, estilo “cachorro quente”. E ainda sirva maionese extra, mostarda e ketchup; seus convidados vão amar a novidade e sua festa vai ser um sucesso.

Caso você tenha mais alguma opção para diferenciar a sua torta compartilhe com a gente. Se você fizer está opção para a sua festa, compartilhe a foto com a gente aqui no post.

Até a próxima.

Diversificando com canapés

fonte: casavougue, destaquesp, panelaterapia, casinha arrumada.

Olá leitoras, hoje vamos dar o ponta pé na parte salgada dos eventos.

Para o primeiro post sobre esse assunto, resolvi dar uma dica infalível, fácil de executar e que os seus convidados vão amar degustar. Casamentos, aniversários, festas infantis, bodas, em todos esses eventos encontramos os famosos salgadinhos que são servidos como: entrada, prato principal e acompanhamento. E que tal surpreender os seus convidados, independente do tipo de evento, com uns petiscos diferentes e fugir de só servir salgados.

Para cumprir essa missão você vai precisar primeiro de uma base para montar os seus canapés, e depois de um recheio para deixá-los super saborosos. A maioria dos itens para a base são encontrados facilmente nos mercados, padarias e lojas especializadas em festas. Você vai encontra-los prontos para receber o recheio, o que facilita o seu trabalho no dia do evento, já que a correria é grande. As minhas sugestões de base são:

  • Barquetes;
  • Chips de batata;
  • Cones fritos;
  • Torradinhas temperadas;
  • Massa de pastel, cortada em quadradinhos e frita ou assada em forminhas de empada.
  • Pão árabe,  aquecido e dourado na frigideira e cortado em triângulos.

Com a base em mãos, vamos aos recheios, você pode utilizar os seus dotes culinários, ou pedir para alguém fazer eles, assim como encontrar umas pastinhas e patês prontos no comércio, mas é sempre bom dar o seu toque pessoal, ou seja, acrescentar um tempero. Você pode preparar o recheio um dia antes e manter na geladeira, e temperar  à gosto,  eles são:

  • Atum em lata desfiado com maionese;
  • Frango cozido, desfiado com catupiry;
  • Azeitona picada com maionese e creme de leite;
  • Bacalhau dessalgado, desfiado com creme de leite;
  • Camarão refogado, picado com catupiry;
  • Pesto de manjericão;
  • Alho assado batido com maionese, orégano e queijo parmesão;
  • Palmito picado com creme branco;
  • Pasta de cebola com creme de leite e maionese, etc;

Como você pode ver são possíveis diversas combinações, basta soltar a sua imaginação. As bases devem ser preenchidas somente na hora no evento se não elas amolecem, ou no máximo uma hora antes. Para facilitar a colocação do recheio utilize um saco de confeitar ou uma sacola plástica parecida com um e higienizada. Uma outra opção é servir a tigela com recheio, e as casquinhas ao lado, com uma colherzinha e os convidados se servirem.

Fonte: receitasdaformiguinha, mimosdavale.

Se você amou a ideia e quer servir no seu evento, porém contratou um buffet, solicite a eles essa opção, sirva junto com salgadinhos, ou só como entrada. Também vale se você vai receber os amigos em casa e não quer ter  muito trabalho. A quantidade por convidado vai depender; se for acompanhado de salgado 2 por pessoa de cada sabor, já sem salgados 8 – 10 por pessoa, em caso entrada antes do jantar uns 5 por pessoa já basta.

Gostaram da ideia? Qualquer dúvida, sugestão ou ideia que possam complementar este post, comentem.

Até breve, beijos.

Dúvidas sobre a mesa de doces

Fonte: multifestasetal

Oi meninas, continuamos a nossa saga sobre doces!

No último post, escrevi sobre forminhas e bandejas, entretanto percebi que a mesa do bolo gera muitas duvidas, então, hoje vamos falar sobre os questionamentos que a mesa principal gera para noivas, mães e anfitriãs de eventos.

Para escrever este post, pesquisei incertezas que as meninas compartilharam em diversos sites, assim como a resposta de diversos profissionais e a minha opinião sobre os temas. Se você tiver outra pergunta sobre a mesa principal que não for abordada no texto, só deixar nos comentários que responderemos.

1- Quando devo servir os doces? Como evitar o desperdício?

O senso comum diz que os doces devem ser servidos após o parabéns, no caso dos aniversários, e nos casamentos depois do brinde dos noivos. Mas se você for servir um almoço na sua festa, um docinho de sobremesa sempre cai bem, então escolha uma sobremesa após o almoço, ou então não demore muito para liberar os doces.

Uma dica importante é tirar todas as fotos na mesa logo no início, assim os convidados não tentarão pegar um escondido e não ocorrerá desperdício, pois todos vão comer a vontade durante a festa. Se você deixar os doces muito para o fim, vai ocorrer sobra e seus convidados vão sair falando que não comeram doces. 

Uma tendência das festas é colocar uma sacolinha personalizadas de doces, permitindo assim que os convidados levem doces da mesa para casa e evita-se sobra, e desta maneira ninguém sai com copinho de plástico ou guardanapo escondido na bolsa.

2- Quem deve arrumar a mesa de doces e cuidar durante a festa?

A mesa de doces deve ser arrumada pela decoradora do evento, as posições das bandejas, flores e enfeites são da responsabilidade deste profissional. Entretanto a organização dos doces nos suportes deve ser realizada pela doceira, pois ela saberá manusear os doces corretamente, usando luvas, assim como poderá ajustar caso ocorra algum problema. Se a decoradora for experiente, ela está acostumada a cuidar desta tarefa, então fique tranquila.

Babá de doces

Muitos profissionais de casamento acham indelicado impedir que o convidado pegue um docinho da mesa. Entretanto, uma mesa com doces faltando ou forminhas vazias fica horrível na hora da foto. Como a colaboradora do blog e cerimonialista, Cintia Breder, gosta de destacar, é preciso ter alguém tomando conta da mesa, se não vira bagunça, pois sempre tem aquele convidado que não tem calma para esperar.

A minha dica é que você peça para que alguém observe a mesa, e se caso alguém queira comer um doce, pedir que aguarde o momento dos doces ou servir um discretamente e “tapar o buraco” que ficar, evitando assim o efeito manada, ou seja, um ataque de todos os convidados aos doces antes do momento certo.

3- Como os doces devem ser conversados?

Os brigadeiros podem ficar expostos na mesa sem problemas, mas doces com chocolate e frutas devem mantidos em ambientes refrigerados principalmente no verão, se o evento for no inverno não precisa de tal cuidado. A mesa de doces nunca deve ficar exposta em um local onde bata sol, evitando  que as gostosuras das mesa melem ou estraguem.

4- Onde posicionar os doces que serão dados como lembrancinhas?

Eles são organizados em cômodas, estantes, aparadores e etc, usados  para incrementar a decoração. Existem duas opções para posicionamento destes móveis com os mimos. Algumas pessoas gostam de decorar a mesa principal com as lembrancinhas, principalmente em festas de crianças e após o parabéns montar os kits. Já em casamentos são posicionados alguns na mesa principal, mas a maioria das lembrancinhas em um ambiente separado localizada geralmente no início/final do salão, facilitando a entrega do presente aos convidados ao final do evento.

5- O bolo: de verdade ou de mentira?

Eis a questão, se você é daquelas que não liga muito para bolo, pretende economizar, não gosta de congelar bolo, e não não quer um bolo naked, o mais indicado é um bolo fake de pasta americana para a mesa principal.  Entretanto se você gosta de seguir a tradição, no caso dos casamentos e comer bolo do casamento na primeira bodas, ou ainda se você gosta de distribuir bolo para os mais íntimos ao final da festa, o bolo da mesa principal deve ser verdadeiro.

6- Dica final

O número de convidados com alergia a determinados alimentos, diabetes e restrições é uma realidade em todas as festas, por isso o uso de plaquinhas informando o tipo do doce facilita a vida dos convidados e também evita o desperdício. É muito triste ver doces comidos pela metade nas mesas, já com as plaquinhas, as pessoas só vão pegar os doces que realmente gostam. Outra dica, é passar os doces pelos convidados, garçons servindo doces nas bandejas de mesa em mesa traz comodidade e qualidade ao seu evento.

Estou esperando mais perguntas, abaixo seguem os links dos sites que utilizei em minha pesquisa, vai lá dar uma olhada também. Se você está procurando a parte de comida salgada de uma festa, não se preocupem, semana que vem vamos começar a falar sobre esse assunto.

Até lá, beijos.

Inesquecível Casamento

Constance Zahn

Delas

Inesquecível Casamento

 

 

Com que forminhas e bandejas eu vou?

Fonte: Pinterest , Piperinapaperart, Lid’s forminhas

Cada por menor de uma festa faz toda diferença para a anfitriã do evento, mesmo que muitos convidados não prestem atenção. A composição e combinação final de cada detalhe vão deixar esse dia inesquecível, e a melhor parte, na minha opinião, é poder planejar cada nuance com muito carinho e amor, e principalmente sem medo de errar. As bandejas e forminhas são detalhes que devem ser cuidados com esmero, pois ajudarão a formar o cenário da mesa principal, onde a maioria das fotos são tiradas, portanto separei algumas dicas para ajudar neste processo.

I – Forminhas

Hoje em dia existem diversos tipos de forminha no mercado, aquelas que imitam flores, cortadas a laser, tradicionais com um toque sofisticado e quadradas, de origami, tecido, personalizadas e etc. Tem tanta coisa bonita que às vezes fica difícil escolher. Uma dica para você, não se perder, é seguir o estilo da festa. Se você for fazer uma festa boho chic ou rústica, opte pelas que imitam flores, a sua mesa vai parecer um jardim. Já para um casamento no estilo luxuoso e moderno o mais indicado são as forminhas cortadas a laser, as tradicionais com tons metálicos, para uma festa infantil ou até um casamento temático o mais indicado são aquelas forminhas personalizadas com designer do tema.

As cores das forminha devem seguir o mesmo tom escolhido para decoração, ou seja, elas devem estar em harmonia com as toalhas das mesas, flores, balões e etc, portanto seguindo a mesma paleta de cores.  Por exemplo, se a cor escolhida para o evento for amarelo, escolha forminhas nessa cor ou em preto, branco, laranja claro, amarelo bebê e até um verde limão clarinho vai bem nessa mesa.

II- Bandejas

As bandejas e suportes seguem o mesmo raciocínio dos doces, vão depender do estilo da festa. Existem bandejas de madeira, cerâmica, vidro, metal, espelho.

Uma dica para festas temáticas é utilizar bandejas neutras, como na cor branca, elas vão fazer os doces se destacarem na mesa, assim como as forminhas customizadas. A nova tendência para as festas, é utilizar bandejas menores, e assim destacar a diversidade de doces.

Quanto a disposição das bandejas na mesa principal, a opção simétrica, ou seja, tamanho, altura e estilo de suporte de uma lado da mesa, e ter uma “gêmea” do lado oposto é a mais utilizada. Entretanto a nova tendência para festas é distribuir as bandejas sem  conformidade, isto é, assimétricas, mas não se engane esse estilo não significa bagunça, cada detalhe deve estar perfeito.

III- Misturar os tipos de doces nas bandejas?

Este detalhe vai depender da variedade de doces escolhidos, já conversamos um pouco sobre isto neste post e também do estilo da anfitriã. Tem algumas que gostam de tudo combinando e de cada coisa em seu lugar, enquanto outras preferem diversificar e misturar os tipos de doces. Na minha opinião os dois estilos ficam bonitos, tudo vai depender do seu gosto.

E aí, está cada dia mais fácil planejar o seu evento? Espero que sim, e que minhas dicas estejam ajudando nesta etapa da sua festa.

Beijos

Quantidades Parte III – Mesa e lembrancinhas

Docinhos, bombons, trufas, bem casados, alfajor e cupcakes são alguns tipos de doces que passam na cabeça dos convidados durante um evento. O ponta pé sobre esse assunto já aconteceu no post I e  II, se você ainda não leu, passa lá.

Hoje, vou falar sobre a quantidade de doces que devem compor a mesa principal e quantos doces de lembrancinha você deve preparar por convidado.

No texto anterior, falamos dos famosos docinhos e suas particularidades para cada tipo de festa, reutilizando o cálculo: uma festa com bolo e champanhe, para 100 convidados, serão consumidos 800 docinhos. Mas é claro que você não vai colocar 800 doces na mesa principal da sua festa, se você fizer isso, vai precisar de muitas bandejas e mesas, além de não ficar bonito nas fotos, vai atrapalhar o layout da festa. Logo, existem duas opções para você organizar melhor a sua mesa de doces:

Opção 1- Encomendar doces finos, mais sofisticados e caros, somente para a mesa de bolo e complementar com doces mais simples para servir aos convidados. Nesta opção indica-se encomendar 35 a 40 doces de cada tipo para decorar a mesa e subtrair essa quantidade do montante total;

Opção 2- Aproveitar os doces que serão servidos aos convidados para compor a mesa. Ou seja, a pessoa responsável pela arrumação dos doces vai separar 25 a 30 de cada tipo, para arrumar a mesa principal;

Uma dica muito importante: na correria da festa, muitas vezes os noivos ou aniversariantes não conseguem provar as delícias que encomendaram, então, solicite ao cerimonial ou buffet que separe 20 a 30 doces numa caixinha para que possam saborear no dia seguinte, completando esse agrado, reserve um pedaço generoso do bolo e a lembrancinha que será ofertada aos amigos e família.

Lembranças comestíveis

Às vezes investimos muito em souvenires personalizados, e os convidados (exceto as mães, avós e amigos próximos) acabam jogando for, o mimo que projetamos com todo carinho; entretanto, as lembrancinhas comestíveis, na minha opinião, são a melhor forma de presentear, já que os doces serão saboreados nos dias que seguem o evento, fazendo com que o gostinho e a sensação permaneçam.

Doces por Confeitos Bistrô

As quantidades de lembrancinhas comestíveis por pessoa vão depender do tipo, por exemplo: alfajor, brownie, cupcake e os famosos bem casados devem ser 2 por pessoa. Já no caso de caixinhas de brigadeiro e bombons, ou seja, docinhos menores, 1 caixinha por pessoa vai alegrar a todos os convidados ao final do sua evento e no dia seguinte.

Não se esqueça que cada detalhe faz a sua festa inesquecível, os convidados devem sair saciados e com ótimas memórias deste dia.

Você deve estar cheia de dúvidas sobre qual forminha escolher para mesa de doces, qual bandeja utilizar, mas pode ficar tranquila, pois esse será o nosso próximo papo.

Está com incerteza sobre algum ponto que tratamos neste post ou nos anteriores, deixa a sua pergunta que responderemos, #timeblogcarpediemlembranças rsrsrs.

Boa semana leitora.

Quantidades Parte II – Cálculo

Doces feitos por Confeitos Bistrô

Hello, já coletou as dicas que conversamos no último post? Se ainda não, passa lá e dá uma olhadinha.

Na semana passada falamos sobre os elementos que influenciam a quantidade de doces, como: número de convidados, tipos de doces, estilo de festa e o horário. Essa semana fazendo algumas pesquisas para escrever o texto, encontrei uma informação para adicionarmos aos elementos pré-cálculo, o número de crianças. Se a sua festa for um aniversário infantil, essa informação será muito importante, portanto, do número total de convidados separe a quantidade de crianças e de adultos.

Na tabela abaixo, especifiquei os tipos de doces e a quantidade para alguns tipos de festa. O montante dos doces abaixo deve ser sempre acompanhado do bolo (doce de compota mais o bolo). Caso você escolha colocar 3 ou 4 tipos de doce, exemplificando docinhos, bolo e frutas, a quantidade de frutas deve ser reduzida em 40%, e essa regra vale também para os doces de compota e sobremesas.

Como falei no início do texto a quantidade de crianças também influencia, meninos e meninas de até dez anos comem em média a metade da quantidade dos adultos, então é só dividir por 2 as quantidades acima.

O bolo é uma das coisas que mais sobra em festas, e muitas vezes as pessoas tem que ficar distribuindo bolo para avó, tia e para os convidados levarem para casa. Para evitar gastos desnecessários, você deve conhecer seus convidados.

Se sua festa tem jantar e bebidas alcoólicas, como cerveja e vinho, a quantidade de bolo deve ser 60% do número de convidados. Vamos fazer uma continha para você entender melhor. A sua festa tem 100 convidados, usando a tabela, 8 kilos de bolo, (100 pessoas x 80g), porém os seus convidados se encaixam na descrição, você deverá encomendar arredondando 5 kilos( 8kg x 60%).

O último ponto a ser esclarecido é sobre a variedade, ou seja, dentro da quantidades de docinhos qual a variedade escolher. A sua festa tem 100 convidados, e você vai fazer no estilo bolo com champanhe, o total de doces é 800 unidades, então neste modo são indicados 8 tipos de doce: brigadeiro, beijinho, bombom de maracujá, bombom de cereja, camafeu, brigadeiro de nozes, romeu e julieta e amendoim. Se você aumentar a variedade de doces, os convidados vão querer provar, e mais doces você terá que comprar, então mantenha a variedade dentro da proporção ideal.

Resumo para não esquecermos nenhum detalhe:

  1. Lembrar de calcular a quantidade de crianças,
  2. Acima de 2 tipos de doces, você deve reduzir a quantidade de frutas, sobremesas ou doce de compota
  3. Analisar o tipo de convidado para não ficar com sobra de bolo
  4. Manter a variedade dentro de uma proporção desejável.

Não se preocupe, o próximo texto será sobre a quantidade de doces na mesa principal e sobre doces de lembrancinha como alfajor, bem casado e etc. Caso você ainda  tiver alguma dúvida, deixe nos comentários, vou fazer o possível para te ajudar.

Fique ligada nos outros textos também, até a próxima.