Cuidado e Amor num simples toque

Divulgação

Oi! Estamos iniciando mais um mês de Outubro, marco da prevenção contra o Câncer de Mama e, por isso, não podemos deixar de levantar uma reflexão sobre esse tema aqui no blog, além do lembrete da prevenção.

Você já pensou no quanto o nosso comportamento é fundamental para nos garantir uma saúde melhor?

Pois é, isso porque o comportamento tende a ser repetitivo quando nos habituamos e vamos levando a vida no modo automático. Por mais que pareça prático e, por vezes, até produtivo, em algumas situações se torna necessário a gente se esforçar para melhorar nossos comportamentos a favor de hábitos novos. Então, aqui percebemos que há uma retroalimentação: comportamento repetitivo gera hábito e hábito que não muda tende a manter comportamentos.

Assim, percebemos o quanto é importante direcionarmos cada um de nossos comportamentos a nosso favor. Quando sustentamos o amor próprio isso se torna ainda mais natural. É o que também quero reforçar aqui: Amar é sinônimo de valorizar, e quando damos valor a nós mesmos o caminho do cuidado é seguido. Cuidar de si, ter zelo por si mesmo, fazer-se feliz e saudável. Percebe como uma coisa puxa a outra? Então aí vai outra pergunta: Como você tem se comportado consigo mesma?

Pois bem, fazendo uma conexão dessa reflexão com a saúde de todo o nosso organismo, sabemos que o melhor remédio é sempre prevenir, certo? E para isso não podemos esquecer de incluir na nossa rotina ações fundamentais para tal. É comum esquecermos o que não faz parte dos nossos hábitos rotineiros, porque é reconhecido pelo nosso cérebro como algo não tão importante. A rotina existe para nossa organização e também para nosso cérebro entender o que é prioridade na nossa vida, e por isso precisamos fazer com frequência as atividades que consideramos essenciais para nossa existência. Sendo assim, se prevenir de qualquer doença precisa também ser nossa necessidade básica, nossa prioridade.

Nessa dinâmica, é o nosso comportamento que sinaliza as nossas prioridades. E isso inclui uma alimentação saudável, atividades físicas regulares, bem estar emocional e social, e também visitas ao médico pelo menos uma vez por ano.

Veja só, eu selecionei os passos fundamentais para o autoexame, segundo o Instituto Brasileiro de Controle ao Câncer. Anote aí e inclua na sua rotina, monitore seu comportamento e logo logo já será um novo hábito. 😉 Proteja sua mama e sua vida!

Obs.: Não se esqueça da Mamografia anualmente.

Autoexame das mamas – mensalmente e fora do período menstrual

No banho ou deitada – Coloque a mão direita atrás da cabeça. Deslize os dedos indicador, médio e anelar da mão esquerda suavemente em movimentos circulares por toda mama direita. Repita o movimento utilizando a mão direita para examinar a mama esquerda.

Diante do espelho – Verifique suas mamas com os braços abaixados. Depois, com os braços levantados, coloque a mão na cabeça e atente-se para mudanças no contorno ou no bico de suas mamas, repita o procedimento também com as mãos na cintura. Por último, aperte delicadamente o mamilo e observe se há sinais de secreção.

Ame-se! Valorize-se! Cuide-se!

Beijo no coração!