Ampliar o positivo. Neutralizar o negativo. A chave é sua. A porta também.

Olá pra você que hoje está buscando ser melhor do que ontem!

Esse texto está diretamente relacionado a alguns outros pensamentos que já apresentei a vocês em outros textos, mas principalmente ao de Autoestima, que você pode reler aqui e ampliar ainda mais suas reflexões.

Pois bem, nossa convivência com a nossa própria existência é natural, porém um tanto complicada muitas vezes, não é mesmo? Nossos pensamentos e sentimentos estão sempre nos acompanhando para onde vamos e nem sempre são tão bons quanto gostaríamos.

Algumas situações podem influenciar diretamente o nosso estado de humor e até mesmo nossa visão sobre o mundo que nos cerca. Mas precisamos lembrar que essas mesmas situações não são o motivo principal do que pensamos ou sentimos, por mais que pareçam ser. Nós somos uma construção de muitos fatores e cada um de nós, em particular, possui uma maneira específica de lidar com as situações do dia a dia. Isso fica mais claro quando comparamos pessoas diferentes com reações completamente diferentes diante de uma mesma situação vivida. Umas podem se posicionar de forma desesperada, outras podem ficar bem mais calmas ou nem mesmo se sentirem afetadas. E a situação é exatamente a mesma! Sim, isso acontece o tempo todo. O que prova que a culpa não é da situação, mas sim da nossa forma de lidar com ela.

Com isso, é fundamental reforçar a ideia de que NÓS somos responsáveis por nós mesmos e por nossas reações. E, portanto, está ao nosso alcance o equilíbrio e a felicidade que tanto esperamos. Temos sim a capacidade de neutralizar todos os elementos negativos que nos rodeiam, não permitindo que permaneçam por muito tempo dentro de nós. Pois bem, para ser alguém melhor é necessário começar de dentro pra fora e, assim, o que vier de ruim de fora pra dentro não terá força para nos dominar. Consegue perceber que o poder neutralizador está dentro de você? Então só te afetará aquilo que você permitir.

Nada nos invade sem que deixemos a porta aberta. E cabe a nós mesmos buscarmos sempre o discernimento para saber abrir a porta para tudo o que nos fará crescer e fechar para o que for nocivo. A chave sempre estará em nossas mãos, somente em nossas mãos. Então, precisamos parar de responsabilizar os fatos e assumir o volante da nossa vida.

Se minha autoestima está murchando, só eu posso regá-la para fazê-la voltar a viver, isso porque eu é que estou permitindo que ela caia. Muitas pessoas podem nos ajudar, nos animar, mas isso também só terá efeito se nós estivermos abertos pra receber ajuda. Mais uma vez, nós é que estamos no comando do que vai e do que fica em nós. Se não quisermos, se não deixarmos, se não buscarmos, nada acontece. Por isso o movimento é de dentro pra fora. A fechadura só existe no lado de dentro da sua porta.

Então, vamos lá? Movimente-se. Mude-se no que for preciso. Assuma sua vida da melhor maneira que puder. Use sua chave e controle o que sai e o que entra. É você quem decide!

Sou Psicóloga clínica formada em Terapia Cognitivo Comportamental e Psicologia Positiva e pós graduanda em Psicologia Hospitalar e da Saúde na PUC-RIO.

Cuidar da dor do outro, compreender suas aflições e ajudá-lo a ampliar seu olhar diante da vida testando todas as possibilidades de ser mais feliz é o foco do meu trabalho. Por isso, gosto de incentivar as pessoas a encontrar o melhor de si mesmas no dia a dia e ousarem ir além de suas limitações, para que assim elas possam descobrir o valor e a força que possuem.

Trabalho com Psicoterapia de crianças e adultos; e tenho um projeto chamado Moveres Superando Desafios que vem se desenvolvendo com o objetivo de garantir informações e orientações sobre Saúde e Psicologia, além de promover incentivo para viver melhor a cada dia com reflexões e dicas para o seu bem estar!

Enfim, espero contribuir da melhor forma para que você nunca desista de lutar pela sua felicidade. Jamais perca o brilho nos olhos, a alegria na alma e a força para vencer as dificuldades do caminho.

VIVA BEM O HOJE!