A importância de estar bem

Oi!

Você sabia que lembrar diariamente das nossas prioridades na vida nos ajuda a regular nossas emoções, mantendo-nos bem apesar de estarmos mal? “Mas pera aí, Mayara, como assim?” Pois bem, quando lembramos diariamente do que realmente importa pra gente, nossa vontade de viver é maior e mais decisiva, já reparou? E antes de tudo, o que mais importa para todos nós, é estar bem. É a nossa busca por felicidade, por completude. E nesse processo não podemos nos esquecer da aceitação de cada etapa da vida, das circunstâncias que nos trazem uma infinidade de sensações, vezes boas, mas outras vezes bem ruins. Faz parte desse “estar bem” entender que sentimentos desconfortáveis são naturais na vida e que temos total capacidade para senti-los e superá-los. E sabe por quê? Porque sentimentos são momentâneos, eles têm seu tempo pra durar. Nós é que, em meio ao desconforto, nos desesperamos e estendemos o tempo dessas sensações.

Está tudo bem em ficar mal, em ficar triste, em chorar, em ter raiva. Aceitar esses momentos e o peso desse sentir é parte do ficar bem, porque quando não aceitamos damos murro em ponta de faca, fugimos muitas vezes dessas emoções, negamos nossa habilidade em passar por elas. Resultado? Mais peso e mais sofrimento. Aceitar é diferente de se conformar. Aceite, mas busque soluções. Compreenda-se e lute para superar seus desafios. Vamos lembrar dia a dia da importância de buscarmos nosso bem estar, de nos sentirmos bem mesmo quando não estivermos bem, por sabermos que tá passando. Isso não vai durar a vida toda. Temos a intensa mania de eternizar as coisas ruins e lamentar pelas boas que não voltam mais. Vamos combinar uma coisa? Vamos decidir por viver no agora, pois é o único momento que temos nas mãos.

É importante priorizar o que tem valor pra gente, caso contrário perdemos tesouros no caminho. Se você não prioriza determinadas coisas, questione-se se elas ainda são importantes pra você. E se você anda perdendo seus tesouros, questione-se o quanto você os prioriza. O estresse nos domina quando nossa paz interior deixa de ser valiosa. As mágoas duram mais tempo quando nos deixamos abalar por qualquer coisa, e se tornam mais importantes do que nosso amor próprio. Então vamos colocar cada valor no lugar certo, e viver melhor. Não dê importância demais ao que merece importância de menos, e vice e versa. Vamos viver mais leve.

Até a próxima reflexão.

E deixe aí nos comentários suas experiências, suas observações e também dúvidas. Participe aqui conosco!

Bjooo Mayara.

Sou Psicóloga clínica formada em Terapia Cognitivo Comportamental e Psicologia Positiva e pós graduanda em Psicologia Hospitalar e da Saúde na PUC-RIO.

Cuidar da dor do outro, compreender suas aflições e ajudá-lo a ampliar seu olhar diante da vida testando todas as possibilidades de ser mais feliz é o foco do meu trabalho. Por isso, gosto de incentivar as pessoas a encontrar o melhor de si mesmas no dia a dia e ousarem ir além de suas limitações, para que assim elas possam descobrir o valor e a força que possuem.

Trabalho com Psicoterapia de crianças e adultos; e tenho um projeto chamado Moveres Superando Desafios que vem se desenvolvendo com o objetivo de garantir informações e orientações sobre Saúde e Psicologia, além de promover incentivo para viver melhor a cada dia com reflexões e dicas para o seu bem estar!

Enfim, espero contribuir da melhor forma para que você nunca desista de lutar pela sua felicidade. Jamais perca o brilho nos olhos, a alegria na alma e a força para vencer as dificuldades do caminho.

VIVA BEM O HOJE!